21/03/2009

..

                      Sabe.. as vezes me pego pensando em como alguem pode me julgar sem conheçer.. como podem me rotular se mal sabem meu nome ? Como um gesto em frente do desconheçido pode me rotular de folgada, descarada, doida, rebelde, namoradeira, quieta, solitaria ? 
                      Hoje eu vi que eu faço isso.. e isso nao me da orgulho mas .. é sempre assim, so não queria ser taxada de uma coisa apenas sabe ? Queria ser tudo, queria ser a felicidade, moralidade, responsabilidade, amor, saude, paz, trankilidade, calmaria, quietude.. Quero ser definida por tudo, ser ampla, abrangente.. 
Não quero ser uma estranha, 
quero apenas ser eu.. algo indefinido, 
imcompriensivel, inrotulavel, incomum..
' E quem não conheçe, julga sempre o seu pior.. ' 

By Texto: Josi Keller

6 comentários:

Rosy disse...

ya... texto de minha autoria, porém é apenas o incio, hj continuo mas agora de trás pra frente até entedermos o porque daquela conversa "fria"..rsrs

Bjo bom!

A n i n h a a disse...

com certeza queridona, ninguém simplesmente pega e te elogia sem te conhecer. A tendência é sempre fazer algum comentário maldoso, pode reparar ;)

beijokas

Convulsiona-se também! disse...

Oi Josi!
Você já parou pra pensar que está sendo mais comum do que imagina? (Querendo fugir dos preceitos sociais)
Afinal, todos querem ser únicos, diferentes... (e por isso entram numa rotina, talvez a pior de todas, a de mudar mudar e mudar).
O que ninguém percebe é que já são - únicos, diferentes, incomuns. Essas suas palavras, por exemplo, são suas e não há nada mais original que isso. Sei que somos a cópia dos pensadores do passado, mas cada um ama, briga, esperneia e tem reações totalmente imprevisíveis, o que nos faz diferentes um dos outros, apesar de termos idênticos DNA's hehe

Obrigada pela dica tb, vou colocar mais detalhes nas cenas pra envolver mais, né? A parte que vc comentou é uma história à parte. Quando eu escrevi, nem planejei a história... foi fluindo. Engraçado, né?

Bjãoooo

espero te ver mais vezes por lá =)

Gilmara disse...

Oi flor!

Obrigada pela visitiha no "Coisas que eu conto". És sempre bem-vinda por lá, viu?

Sorte pra vc! Um bj no coração!

Gil

(Ps.: Não vamos deixar passar a próxima oportunidade qd o assunto for o coração, né? Já aprendemos com isso! (RS).)

Davi disse...

AMPLA já és, toda ser humano é mais do que uma definição de 'humano'.
Abraços!

Maria Inácia Bellico disse...

Que bonito e concordo viu? As pessoas nos julgam com os olhos e não com seus olhos. Entendeu? rsrsrsr

Bjim*